A vara e a panela

A vara e a panela

A vara e a panela

A partir do programa de hoje vamos conhecer algumas das profecias de Jeremias, um dos mais importantes profetas do Antigo Testamento. O seu nome significa “Jeová estabelece”.

Jeremias nasceu em torno do ano 640 AC e morreu por volta do ano 570 AC. Viveu uma grande parte do seu tempo na cidade rural de Anatote, uma aldeia que ficava aproximadamente a quatro quilômetros a nordeste de Jerusalém, do outro lado do monte das oliveiras. Era filho de uma família sacerdotal (Jeremias 1:1). Seu pai foi Hilquias. Quando ainda era bem jovem recebeu o chamado para ser um profeta. Ao receber esta convocação sentiu-se incapaz diante de tamanha responsabilidade.

O ministério profético de Jeremias teve início em torno do ano 627 AC, no décimo ano do rei Josias, cerca de 60 anos depois da morte de Isaías. Jeremias foi contemporâneo de Sofonias e Habacuque, na primeira parte da sua vida. Também, nos últimos anos, foi contemporâneo de Daniel. Jeremias é o autor da maior parte do livro, mas a tarefa de redação foi confiada ao seu fiel secretário Baruque (Jeremias 36:4).

O profeta trabalhou mais de vinte anos tentando persuadir o povo de Judá para que se voltasse para Deus. O ministério de Jeremias abarcou os últimos quarenta anos de existência de Judá como uma nação independente. Outro ponto que merece ser destacado é que nos dias de Jeremias três grandes potências disputavam a supremacia do mundo da época: Assíria, Egito e Babilônia.

A profecia que vamos estudar hoje está registrada no primeiro capítulo, versos 11 e 13: “Veio a mim a palavra do Senhor: O que é que vês, Jeremias? E eu respondi: Vejo uma vara de amendoeira. Veio a mim a palavra do Senhor segunda vez: O que é que vês? E eu respondi: Vejo uma panela a ferver, inclinada para o norte”.

A visão profética de Jeremias trata de dois símbolos. Uma vara de amendoeira e uma panela fervendo. Qual o significado desta visão profética? O que podemos tirar de lições dessa profecia no século 21?

A pergunta de Deus foi: o que você está vendo? Muitos líderes e liderados religiosos não querem ver o que Deus está lhes mostrando, porque aquilo que estão vendo pode estar indo contra o que pensam ou fazem.

Muitos hoje em dia, inclusive líderes religiosos, lêem a Bíblia, mas praticam e ensinam o que está de acordo com o que pensam, aquilo que acham certo ou lógico. Esquecem da solene responsabilidade que têm de ensinar todas as doutrinas da Bíblia. Se você é um líder religioso, veja o que Deus está mostrando através da Bíblia, mesmo que isto contradiga as tradições de sua família ou os ensinos de sua própria igreja!

Jeremias disse: “eu vejo uma vara de amendoeira”. Que significava isto para os habitantes de Judá? Segundo os teólogos, a vara de amendoeira simbolizava a ameaça ao governo de Judá pelo poder Babilônico, representado por Nabucodonosor.

Como já foi dito, o profeta estava avisando mais uma vez que Israel teria problemas com os seus vizinhos. No tempo de Jeremias, os Caldeus, ou Babilônicos estavam conquistando o mundo. Os Caldeus tinham invadido a capital dos Assírios no ano 612 A.C. Nínive, fora tomada e estava sob outro governo. Sete anos mais tarde, na famosa batalha de Carquêmis, os Egípcios e os remanescentes assírios, foram destruídos.

Já a panela fervendo, inclinada para o norte, simbolizava que todas as invasões que Israel sofreria viriam do lado norte.

Jeremias profetizou isto em torno do ano de 627 AC e a primeira batalha após essa profecia foi lá pelo ano de 605 AC quando os babilônicos derrotaram o Egito e a Assíria em Carquemis; e Daniel e outros judeus foram levados cativos para Babilônia. No ano de 598 AC Babilônia invadiu Jerusalém novamente e não parou por aí. Dez anos depois, em 588 AC, uma nova invasão, agora com um prolongado cerco. Um ano mais tarde, Jeremias, que orientava o povo a render-se aos Babilônicos acabou sendo preso, sob acusação de traição (Jeremias 32:1-2).

Quais as lições que esta profecia pode nos ensinar? A primeira grande lição é que você não fugir diante do chamado divino. Deus, amigo ouvinte, chamou o profeta Jeremias para uma tarefa muito difícil, mas o que quero chamar a atenção neste momento é para a reação ou resposta do profeta. Ele foi firme e decidido em anunciar aquilo que Deus lhe havia mostrado. A história conta que queriam até matá-lo, porém, ficou fiel à mensagem que Deus O revelara. Amigo ouvinte, o que você está fazendo com o que Deus tem lhe mostrado ao longo de sua vida? O que você está fazendo com as verdades que você conhece da Palavra de Deus? Tem dividido essas mensagens com aqueles que ainda não sabem? Não tenha medo de fazer o que Deus está pedindo, mesmo que tudo pareça difícil ou impossível.

A outra lição que precisamos tirar é de qual lado ficaremos. Hoje há muitos que conhecem a vontade de Deus, mas quando colocados diante de uma decisão ou escolha, acabam ficando do lado do povo e contra Deus, pois raciocinam que a voz do povo é a voz de Deus. Mas quem disse que a voz do povo é a voz de Deus? Onde isto está escrito? Amigo ouvinte, a voz do povo nunca foi a voz de Deus. A voz de Deus está naquilo que Ele revelou. Ou seja, na Bíblia.

De que lado você vai ficar? Fique ao lado de Deus! Creia nEle e você estará seguro. Creia nos profetas dEle e você prosperará.

 

Fonte:
Encontro com as Profecias
WGospel – Rede Maranatha de Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *