davi e salomao

Esforça-te e sê homem

davi e salomao

Vamos estudar mais uma profecia da Bíblia? I Reis 2:1,2 “Aproximando-se os dias da morte de Davi, deu ele ordem a Salomão seu filho, dizendo: Eu vou pelo caminho de toda a terra. Esforça-te, pois, e sê homem”.

Esta profecia foi feita por Davi no ano de 1.015 antes de Cristo. E quero analisar com você dois pontos que considero como principais nessa profecia. O primeiro deles: “Eu vou pelo caminho de toda a terra”. E o segundo: “Esforça-te, pois, e sê homem.”

Davi pressentia que seus dias estavam terminando; a morte estava se aproximando e ele iria para onde vão todos os homens: a sepultura.

É interessante a vida nesta terra. No começo da vida há grandes diferenças, com o passar dos anos as diferenças se tornam gigantescas; mas no final todos se encontram no mesmo lugar: a morte e a sepultura.

O que vou dizer agora talvez assuste você, mas é fundamental que você reflita no seguinte: os momentos que antecedem a morte de uma pessoa podem se tornar os mais importantes de toda uma vida. É, sem dúvida, uma ocasião solene. A vida toda é passada em revista. É a hora do balanço final, dos anos bem ou mal aproveitados, do que fizemos ou deixamos de fazer.

Davi morreu com setenta anos (II Samuel 5:4) e foi sepultado em Jerusalém. Se você algum dia visitar Jerusalém, poderá visitar o suposto túmulo de Davi, que está localizado na colina sul da moderna Jerusalém, comumente chamada de Sião. Davi reconhecia que o tempo de sua avaliação tinha chegado, chegara a hora de dar as ultimas orientações. Tudo estava terminando. Ele iria pelo caminho de toda a terra, iria morrer.

Permita-me lembrá-lo de mais uma coisa: você sabe que a qualquer momento poderá estar andando neste caminho também, não é mesmo? Ah, meu amigo, hoje encontramos tantas pessoas que vivem aqui neste mundo achando que nunca irão morrer. Vivem sem a mínima preocupação com a espiritualidade, não têm uma religião, não freqüentam uma Igreja, vivem uma vida de completo egoísmo. Não têm nenhum prazer em repartir o muito que possuem. Ao se relacionaram com outras pessoas as desprezam, humilham, pisam, ofendem, ferem e destroem. Alguns, porque têm um pouco de dinheiro a mais que os outros, acham que são os melhores e os donos do mundo. Outros gastam a vida inteira fazendo inimigos, buscando defeitos nos outros e esquecendo-se do principal: viver. Viver em paz, viver em harmonia, viver ajudando os demais a superarem suas dificuldades.

Se neste momento estou falando para alguém que às vezes gosta de humilhar, desprezar os demais, por favor, não esqueça que todos vamos, no final, pelo mesmo caminho: a morte. Viva, viva e viva bem, o tempo é curto. Não vale a pena ficar com inimizades, às vezes por coisas tão banais.

“Eu vou pelo caminho de toda a terra”. Não se esqueça disso durante os dias que aqui viver. Não deixe para fazer uma avaliação só no ultimo momento de sua vida. Quem sabe nem tenha tempo para isso. Avalie-se hoje e veja se você está vivendo de fato.

Esta primeira parte da profecia de Davi cumpriu-se em pouco tempo; logo ele morreu. A outra parte da profecia refere-se ao seu filho Salomão. Quem foi Salomão? Ele foi o décimo filho de Davi e o segundo filho de Bete-Seba. Como já disse, Davi estava velho, e próximo da morte, e um novo rei precisava ser escolhido. Salomão foi indicado por Deus a Davi, e este se tornou o terceiro rei em Israel. Agora, antes de assumir suas novas funções, Davi recomenda: “esforça-te e sê homem”.

“Esforça-te”. Davi não pensou em si mesmo, apenas no seu filho, não pensou no passado e sim no futuro. Falou como um pai cheio de amor. Mas as palavras de Davi não eram apenas conselhos de um pai. Era uma profecia condicional. A primeira condição para ser um bom líder é o esforço. Salomão tinha que com todo o esforço assumir as funções de rei, a liderança de Israel. Um dos principais ingredientes para o sucesso de alguém é o esforço. Se você não quer se esforçar não tem direito de sonhar. Muitas pessoas assumem posições de liderança e esquecem que estão para servir e não para serem servidos. Servir exige abnegação, dedicação, esforço.

Os grandes líderes, não se tornaram grandes por acaso. E você, meu jovem, se você quer prosperar em sua vida, se esforce, e lembre-se ninguém poderá fazer isto por você.

“Sê homem”. Este é o desejo de todo o menino, de todo o jovem: ser homem. Mas, o que é ser um homem? Salomão, mesmo sendo bem jovem quando assumiu o trono, deveria demonstrar que era um homem. Ser homem é dominar-se plenamente.

Quantos meninos crescidos encontramos pelo mundo afora. Gente grande, mas com comportamento infantil. Homens velhos, crescidos, com barba na cara, que, por motivos banais, partem para a luta corporal em plena rua. E alguns até se dizem cristãos! Muitos pelo fato de não terem nenhum controle emocional agridem filhos, esposas, maridos de uma forma animalesca e vergonhosa.

Nos primeiros anos do reinado de Salomão, Deus era algo presente, real, tão real que ele confessou que era uma criança e não tinha condição de sozinho assumir o comando. “Mas eu sou apenas um menino pequeno, e não sei como sair e como entrar” (I Reis 3:7). Que pena que Salomão foi um verdadeiro homem apenas nos primeiros anos. No final de sua vida abandonou o Deus do céu e adorou outros deuses, cometendo vários outros pecados. Escolheu deixar de lado o que o seu pai havia dito, e como conseqüência, após 40 anos de reinado, morreu e o seu reino foi dividido.

Amigo ouvinte, seja um verdadeiro homem, hoje, amanhã e enquanto você viver. E, não esqueça: “Creia no Senhor Deus e você estará seguro. Creia nos profetas dEle e você prosperará”.

 

Fonte:
Encontro com as Profecias
WGospel – Rede Maranatha de Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *